Live sobre Criação e Interpretação de cenas

Na próxima sexta, 3 de julho, a professora, diretora, atriz e roteirista Vanessa Prieto vai bater um papo com os professores do curso de Interpretação e Carreira Online: a atriz Michelle Boesche, o ator, diretor, diretor de arte visagista, figurinista e roteirista de cinema e TV Antonio Vanfill e o ator, diretor, voice artist, produtor e comunicador Igor Pushinov sobre os principais conceitos de interpretação para cinema, técnicas de interpretação, preparação de monólogos e self testes.

O curso de Interpretação e Carreira Online começa no dia 14 de julho e tem duração de oito semanas.

A programação é gratuita e a transmissão será feita ao vivo, a partir das 19h00, pelo Instagram da AIC.

 

Conheça os convidados

Vanessa Prieto – Mediadora

Cineasta, atriz, produtora, roteirista, escritora, professora da Direção de Atores no Filmworks e Coordenadora do Curso Técnico em Atuação para Cinema e TV na Academia Internacional de Cinema (AIC). Finalista ao prêmio Jabuti pelo livro infantil “O Silêncio em Apuros” (2016). Foi indicada ao prêmio Candango de Melhor Atriz Coadjuvante no Festival de Brasília pelo longa “Falsa Loura” (2007), de Carlos Reichenbach. Fez as séries de TV “O Homem da Sua Vida”, HBO, “Lendas Urbanas”, “Zé do Caixão” no canal Space. Está na série inédita “Colônia” para o canal Brasil, sob direção de André Ristum. Atuou nos curtas “A Cena Perfeita”, “Sozinho”, “Darluz” (31 prêmios), “Duas Almas” e no longa “Sábado A Noite”. Como roterista, foi selecionada no FSA Prodav 04/2014 – desenvolvimento de longa-metragem de animação. No teatro, idealizou, atuou e coproduziu os Musicais “Lampião e Lancelote”, vencedor de 11 prêmios de Teatro, “O Silêncio em apuros”, “A Árvore Berenice” e co-realizou o espetáculo de dança flamenca “Toro Negro”, além de diversos musicais infantis. Atuou em “Sonhos de uma Noite de Verão”, de Anselmo Vasconcellos, “Ricardo III” e “Mauser”, ambos dirigidos por Celso Frateschi; “Bruxas de Salem”, de Bete Dorgan; e “Entre Quatro paredes”, de Luis Damasceno, entre outros. Formada como atriz na Escola de Arte Dramática da USP, e em Imagem e Som pela UFSCAR, estreou na TV em 2006 na novela “Cristal” (SBT), fazendo a vilã Bijou. Na Rede Globo, fez o seriado “Sítio do Pica-Pau Amarelo” em 2007 como a noiva caipira de Eri Johnson e, no mesmo ano, participou da novela “Pé na Jaca”.

Michelle Boesche

Atriz formada pela CAL, cursou Artes Cênicas na UNIRIO e formou-se em licenciatura em Artes Cênicas na FPA. Atualmente está cursando o mestrado em Artes Cênicas na ECA-USP.

Durante seis anos foi atriz e assistente de direção de Antunes Filho no Grupo Macunaíma/CPT-SESC-SP, participando dos espetáculos: “Senhora dos Afogados”, “A falecida Vapt-Vupt”, “Foi Carmen” e “Policarpo Quaresma”.

É atriz indicada ao Prêmio Shell de Teatro de São Paulo de 2014 pela sua interpretação da protagonista Clara Day na peça “Os Adultos estão na sala”, texto e direção de Michelle Ferreira, com A Má Companhia Provoca, cia a qual foi uma das fundadoras.

Michelle também participou das peças “Imortais”, texto de Newton Moreno, direção de Inez Viana; “As conchambranças de Quaderna”, de Ariano Suassuna, direção de Inez Viana; “Jantar”, texto de Moira Buffini e direção de Mauro Baptista Vedia, “Sagrada Família”, texto e direção de Gabriela Mellão, “Huis Clos – a portas fechadas”, de Jean Paul Sartre, direção de Diego Moschkovich; “Nijinsky – minha loucura é o amor da humanidade”, texto de Gabriela Mellão e direção da autora e de João Paulo Lorenzon; Ópera “A Flauta Mágica”, direção de Moacyr Góes; “As Faces de Jean Genet”, texto de Álvaro de Sá e direção de Ticiana Studart, peça a qual ganhou o Prêmio de Melhor Atriz do ano de 2005 pelo Jornal “O Capital” de Aracajú-SE.

No cinema e na televisão, participou do longa metragem El Mate, de Bruno Kott, e da série  “13 dias longe do sol”, direção de Luciano Moura.

Antonio Vanfill

Com uma carreira multimidiática, além de ator, diretor e diretor de arte é também visagista, figurinista e roteirista de cinema e TV. Como diretor, seu trabalho mais recente é o curta “Verbena”, que está em finalização.

Ator formado pela Escola de Arte Dramática – ECA/USP, cursou Comunicação das Artes do Corpo na PUC-SP e Direção de Arte na Academia Internacional de Cinema.

Foi ator e cantor no musical “Rita Lee Mora ao Lado”, interpretando Caetano Veloso. Também como ator esteve na série “Zé do Caixão” – Canal Space – contracenando com Matheus Nachtergaele. Participou da novela “Chiquititas” (SBT) e nos curtas “Banheiro Experimento Estético n1”, “Darluz” e “Happy Dirth” (coprodução Brasil/Alemanha), entre outros.

Atualmente é visagista do Espetáculo “Castelo Rá-Tim-bum o Musical”, indicado na categoria Melhor Visagismo de musical no 2º Prêmio Musical Cast e também é responsável pelos cenários e figurinos de “Cartas a Madame Satã, da Companhia os Crespos.

Diretor em parceria com Leandro Goddinho no espetáculo “A Árvore Seca”, peça indicada ao prêmio Shell de melhor atriz em 2012 entre outros trabalhos que foram sucesso de público e crítica.

Diretor de arte do premiado curta “Darluz” (38 prêmios no Brasil e exterior).

Igor Pushinov

Ator, diretor, voice artist, produtor e comunicador. Formado pela Escola de Arte Dramática (EAD/ECA/USP) e pelo Núcleo Experimental de Artes Cênicas (SESI/FIESP), também possui formação em marketing e comunicação. Na tv, esteve no elenco de “Zé do Caixão” série com direção de Vitor Mafra (Space/TNT),  “Haja Coração” novela de Daniel Ortiz e direção de Fred Mayrink (Rede Globo), “Drunk History – A História Bêbada” série com direção de Amílcar Oliveira (Comedy Central/SBT), além de participações em “Empurrando com a Barriga” série com direção de Daina Gianecchini (Comedy Central), “O Négocio” série com direção de Julia Jordão e Michel Tikhomiroff (HBO), e nas novelas “Chiquititas” e “Cúmplices de Um Resgate” (SBT). No cinema atuou em “Serra do Mar”, filme de Iris Junge vencedor do Prêmio Itamaraty para o Curta-Metragem Brasileiro no Festival Internacional de Curtas de São Paulo, “Kino-Zoio” de Eduardo Abolafio e no longa “Talvez Uma História de Amor” de Rodrigo Bernardo. Assinou a produção de elenco do curta “Antes que seja tarde” de Leandro Goddinho, realizado através do Cultural Inglesa Festival.  No teatro esteve em “Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical” (4act), “Fogo Azul de Um Minuto” (SESI), “O Diabo de Tetas” de Dario Fo com direção de Cassio Scapin, entre outros. Em teatro musical foi diretor residente e assistente de direção em “A Era do Rock – Rock of Ages” (4act) e diretor de casting dos musicais “In The Heights – Nas Alturas” (4act), “Newsies” – Worksession (4act) e “Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical” (4Act).

 


Deixe seu e-mail e receba

Convite para eventos gratuitos, entrevistas e dicas, promoções e descontos