Michelle Boesche

Atriz formada em 2004 pela CAL (Casa das Artes de Laranjeiras –RJ), cursou também bacharelado em Artes Cênicas na UNIRIO (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e formou-se em licenciatura em Artes Cênicas na FPA (Faculdade Paulista de Artes – SP). Atualmente está cursando o mestrado em Artes Cênicas na ECA-USP.

Durante seis anos (2006-2012) foi atriz e assistente de direção de Antunes Filho no Grupo Macunaíma/CPT-SESC-SP), participando dos espetáculos: “Senhora dos Afogados”, “A falecida Vapt-Vupt”, “Foi Carmen” e “Policarpo Quaresma”.

É atriz indicada ao Prêmio Shell de Teatro de São Paulo de 2014 pela sua interpretação da protagonista Clara Day na peça “Os Adultos estão na sala”, texto e direção de Michelle Ferreira, com A Má Companhia Provoca, cia a qual foi uma das fundadoras.

Além de sua trajetória no Centro de Pesquisa Teatral de Antunes Filho, Michelle tem uma longa trajetória no teatro participando de peças em São Paulo e no Rio de Janeiro, entre elas:

“Imortais”, texto de Newton Moreno, direção de Inez Viana; “As conchambranças de Quaderna”, de Ariano Suassuna, também dirigida por Inez Viana; “Jantar”, texto contemporâneo da inglesa Moira Buffini e direção de Mauro Baptista Vedia), “Sagrada Família”, texto e direção de Gabriela Mellão, “Huis Clos – a portas fechadas”, de Jean Paul Sartre, direção de Diego Moschkovich; “Nijinsky – minha loucura é o amor da humanidade”, texto de Gabriela Mellão e direção da autora e de João Paulo Lorenzon; Ópera “A Flauta Mágica”, direção de Moacyr Góes no Theatro Municipal do Rio de Janeiro; “As Faces de Jean Genet”, texto de Álvaro de Sá e direção de Ticiana Studart, peça a qual ganhou o Prêmio de Melhor Atriz do ano de 2005 pelo Jornal “O Capital” de Aracajú-SE.

No cinema e na televisão, participou como atriz do longa metragem El Mate, do cineasta Bruno Kott, co-produção do Canal Brasil, que estreou na Mostra Competitiva do festival de Cinema de Gramado – RS em 2016 e da série da Globo com co-produção da O2: “13 dias longe do sol”, direção de Luciano Moura.

Michelle também foi professora de interpretação no curso profissionalizante do Studio Fátima Toledo e na Escola de Atores Nilton Travesso.

Cursos em que atua

Técnico em Atuação para Cinema e TV

Formação Profissional

Técnico em Atuação para Cinema e TV

Dois anos de atuação em set de filmagem profissional com orientação de alguns dos melhores Atores e Diretores do Brasil

1092h | 4 semestres

R$ 1.099,00 + 5x de R$ 1.199,00 por módulo, até 11/02/2018

Técnico em Atuação para Cinema e TV

Formação Profissional

Técnico em Atuação para Cinema e TV

Dois anos de atuação em set de filmagem profissional com orientação de alguns dos melhores Atores e Diretores do Brasil

1092h | 4 semestres

R$ 1.099,00 + 5x de R$ 1.199,00 por módulo, até 11/02/2018

Notícias relacionadas

Quero Ser Ator de Cinema

Quero Ser Ator de Cinema

*Por Katia Kreutz e equipe da Academia Internacional de Cinema Atuar é uma coisa mágica. Para quem vê de fora, basta mudar a caracterização e a atitude, que o ator se torna uma nova pessoa, não é mesmo? Ele pode ser qualquer pessoa. No fundo, temos a impressão de que esse profissional é o mais […]

Programa de Bolsas de Estudo

Programa de Bolsas de Estudo

Através de um processo seletivo, o programa de bolsas de estudo da Academia Internacional de Cinema concede um número limitado de vagas com 50% de desconto na mensalidade dos Cursos de Formação Profissional da AIC, o Curso Técnico em Direção Cinematográfica (Filmworks) e o Curso Técnico em Atuação para Cinema e TV (em processo de autorização na […]

Retrospectiva 2017

Retrospectiva 2017

Mais um ano chegando ao fim. 2017 foi um ano de intensa produção nas duas unidades da Academia Internacional de Cinema (AIC): São Paulo e Rio de Janeiro. Teve muito curta-metragem e documentário saindo do forno, prontos para fazer carreira nos festivais desse mundão. Também teve produção, direção de arte, roteiro, atuação e muito debate, […]

Quero Ser Diretor de Fotografia

Quero Ser Diretor de Fotografia

*Por Katia Kreutz e equipe da Academia Internacional de Cinema “Luz, câmera… Ação!” Do famoso clichê tão usado para ilustrar a produção cinematográfica, dois desses itens (luz e câmera) acabam caindo nas mãos da direção de fotografia. Construir e registrar a imagem que vai aparecer na tela do cinema talvez seja uma das tarefas mais […]