Fique por dentro de 6 filmes premiados de baixo orçamento

Você sabe quanto custa produzir um filme? Para termos um parâmetro, o filme “Vingadores: Endgame” da Marvel, um dos mais caros da história, tem o orçamento estimado em 356 milhões de dólares. Mas, calma! Existem diversos filmes muito bem produzidos, premiados e de baixo orçamento.

Produções independentes podem surpreender, não só em termos de bilheteria, mas também tendo destaques em festivais de cinema mundo afora. Afinal, o orçamento está longe de ser o único critério a determinar o sucesso de um filme. Uma boa história, um roteiro redondo e atuações seguras também têm o seu peso.

Assim, para inspirar quem busca uma oportunidade no concorrido mercado audiovisual, preparamos esta lista especial com grandes produções cinematográficas que têm em comum o orçamento abaixo de 1 milhão de dólares e muitos prêmios na estante de seus criadores. Continue com a gente até o fim e confira!

1. Mad Max

A primeira versão de “Mad Max”, produzida em 1979 e estrelada por Mel Gibson, tem um surpreendente orçamento de 400 mil dólares. Tão surpreendente quanto é a quantia faturada pelo longa: 100 milhões de dólares.

O filme apresenta uma história distópica e se passa em uma Austrália do futuro que lida com uma sociedade em colapso. O filme foi destaque especialmente em premiações australianas, como o AACTA — considerado o Oscar da terra down under. O longa faturou nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Figurino, Melhor Fotografia, Melhor Produção e Melhor Roteiro Original. Ufa!

2. Rocky: um lutador

O filme que deu origem à franquia estrelada por Sylvester Stallone tem um humilde orçamento estimado entre 900 mil e 1 milhão de dólares. O longa conta a história de um lutador de boxe proletariado que chega a um campeonato mundial.

“Rocky: um lutador” recebeu diversas indicações ao Oscar, ao Globo de Ouro e também ao BAFTA, além de ter recebido algum destaque no mercado japonês, onde chegou a levar o título de Melhor Filme Estrangeiro na premiação da Academia Japonesa de Cinema.

No circuito principal, levou o Globo de Outro de Melhor Filme e o Oscar de Melhor Filme e Melhor Direção.

3. Bruxa de Blair

“Bruxa de Blair” consta na lista dos 100 filmes americanos com o maior faturamento de todos os tempos. Apesar de seu rendimento em bilheteria não ter passado dos 150 milhões de dólares, os lucros foram consideráveis, uma vez que o orçamento do filme foi de impressionantes 60 mil dólares. Isso mesmo: 60 mil dólares!

Apresentado como um pseudodocumentário, o filme explora a metalinguagem ao apresentar estudantes de cinema fazendo um documentário sobre a lenda da Bruxa de Blair até que começam a ser confrontados com ruídos e desaparecimentos bizarros.

O orçamento enxuto só foi possível, em parte, por conta de grandes desafios impostos aos atores: eles foram de fato levados a uma floresta e privados de comida e sono por cerca de uma semana. A produção os ensinou a manusear câmeras e enquanto fornecia dicas de falas improvisadas durante o dia, cuidava de assustá-los e semear a discórdia entre o grupo pela noite, trazendo mais verossimilhança ao filme.

 

Banner "Quer se tornar roteirista?"

 

4. Half Nelson

O drama de 2006 estrelado por Ryan Goslin, muito antes de ele se tornar o astro de La La Land (entre outros filmes), pode não ser tão conhecido do grande público, mas fez seu nome em diferentes premiações independentes ao redor do mundo — e tudo isso com um orçamento de 700 mil dólares.

No enredo, temos um professor de história do Ensino Fundamental que enfrenta um vício em drogas e acaba por fazer uma peculiar e inesperada amizade com uma de suas alunas.

O filme chegou a ser premiado nas categorias de Melhor Ator, Melhor Atriz no Independent Spirit Award e na categoria de Melhor Filme no Gotham Independent Award. Além disso, ainda abocanhou indicações de Melhor Ator para Ryan no Oscar, no Critics’ Choice Awards e no Screen Actors Guild Award.

5. Café com Canela

Filmado no interior da Bahia e com elenco predominantemente negro, “Café com Canela” é um filme nacional de 2018, com um orçamento estimado em torno de 800 mil reais. O filme retrata o reencontro de duas mulheres do Recôncavo Baiano e traz o ex-BBB Babu Santana no elenco.

Muito exaltado por sua diversidade em tela e atrás delas — a direção é de Glenda Nicácio, a segunda mulher negra a ter um longa de ficção no circuito comercial —, o filme também faturou diversos prêmios no circuito nacional de premiação audiovisual. Ele abriu a Mostra de Tiradentes em 2018 e foi escolhido como Melhor Filme pelo Juri Popular do Festival de Brasília no ano anterior.

6. Atividade Paranormal

O maior faturamento da nossa lista, o filme de terror de 2007 “Atividade Paranormal” supera até mesmo “Bruxa de Blair” com um orçamento de incríveis 15 mil dólares — tendo chegado a uma renda de mais de 194 milhões de dólares.

Assim como o vice-colocado da nossa lista, o filme é um pseudodocumentário, em que os próprios atores se filmam com câmeras de mão, trazendo mais verossimilhança às cenas. No longa, um casal se muda a um novo apartamento e instala essas câmeras no imóvel ao perceber a presença de “forças sobrenaturais” no ambiente.

O longa levou como o Melhor Filme de Terror no Teen Choice Award de 2001 e chegou a receber indicações ao People’s Choice Award e ao Independent Spirit Award, como Melhor Filme Independente e Melhor Filme, respectivamente.

Como você viu, filmes premiados de baixo orçamento existem! Muitos são destaque em premiações independentes como Sundance, Cannes, Festival de Berlim e outros, chegando até mesmo a ganhar competitividade no circuito principal de grandes premiações. Inspirador, não é mesmo?

Gostou desta lista? A gente espera que sim. Para aprofundar ainda mais o seu mergulho no mundo cinematográfico, continue com a gente e confira 5 filmes e cenas incríveis feitos em plano sequência.

*Foto filme Café com Canela – divulgação


Deixe seu e-mail e receba

Convite para eventos gratuitos, entrevistas e dicas, promoções e descontos


Pentagrama Consultoria e Sistemas