CURSO NOVO: TV – da Criação à Realização

Criar um programa de TV com formato inédito e inventivo, linguagem inovadora e pertinente é uma tarefa que exige expertise. Ainda mais em tempos de YouTube, vídeos sobre demanda e tantas outras mídias e ferramentas facilitadoras.

“O mercado de produção audiovisual está em plena transição. Do modelo de negócio e dos hábitos de consumo. A novidade é que nunca se consumiu nem produziu tanto”, conta Rodrigo Pimenta, ex-gerente de promo e gráficos da MTV e coordenador do novo curso da Academia Internacional de Cinema (AIC): TV – da Criação à Realização.

O curso foi criado para atender justamente essa demanda e qualificar profissionais que já atuam no mercado ou estudantes que pretendem entrar nesse segmento. O objetivo é capacitar os alunos a exercerem as diferentes funções que envolvem um programa de TV, enfatizando o processo de criação.

“A intenção é simular um ambiente real de um canal de TV, onde os alunos trabalham em grupos e criam um programa, passando por todas as fases: definição dos conceitos do programa, redação de roteiros, produção de piloto, chamadas, orçamentos e decisões executivas, até a veiculação das peças”, conta Rodrigo.

Entrevista

rodrigo pimenta mtvRodrigo Pimenta é Diretor de Arte e designer, formou-se na Escola de Comunicação e Artes da USP e fez mestrado de Artes na London College of Printing.  Foi gerente de Promo e Gráficos na MTV Brasil, participou da equipe fundadora da Agência Click, primeira agência de internet do Brasil, montou a MiniEstudio e desde então atende diversos clientes, entre eles: MTV, Nickelodeon, VH1, Globo, Futura, GNT, Boomerang, Bossa Nova, Prodigo, Mixer, Quanta Post, Flint Brasil, Fischer&Friends, Sesc, SP Fashion Week, Natura, Red Bull, Viacom, A&E, Discovery Networks, HBO, etc. Confira a entrevista com Rodrigo e o que ele revela sobre o curso…

Conte um pouco sobre o curso e seus diferenciais?
Rodrigo Pimenta: Como o nome já diz, o curso apresenta uma proposta “mão na massa” para a concepção e realização de um programa de TV de grade, nos moldes da programação que realizávamos na MTV Brasil. Vamos explorar o modelo de criação, produção e realização que desenvolvemos, calcado em boas ideias, formatos espertos, apresentadores talentosos, produção enxuta, design de qualidade, inovação no uso de equipamentos e na linguagem.

É um curso bem ambicioso no escopo e que irá focar no processo da construção do conteúdo, atravessando todas as etapas da realização (ideia, formatação, pitching, roteiros, pré-produção, produção e finalização, entradas ao vivo, apresentação, promo) com objetivo e desafio de entrega de um produto final.

Para quem o curso é indicado?
R.P.: O curso é indicado para todos estudantes e profissionais da área audiovisual, já que formaremos equipes de trabalho multidisciplinares e portanto teremos funções para diretores, roteiristas, produtores, fotógrafos, editores, designers, sonoplastas, etc. Será uma oportunidade interessante para alunos de diferentes perfis compreenderem o todo do processo, trabalharem em equipe e exercitarem novas técnicas. Acredito também que o curso será interessante para a geração internet/youtube, pois é possível adaptar muito desse processo para a produção independente, em qualquer meio.

Conte um pouco sobre os professores, a maioria trabalhou na MTV, certo? Vocês irão revelar cases? Conte um pouco sobre como essa experiência irá influenciar nas aulas.
R.P.: A MTV Brasil nos possibilitou criar e produzir programas seguindo um modelo de TV aberta, com um ambiente de emissora de TV (com sala de exibição, switcher, transmissão vivo, programação 24 hrs), mas, com estratégia de TV a cabo (nicho). Nesse aspecto os profissionais envolvidos no curso trazem uma experiência única de já terem produzido uma enorme variedade de gêneros: programas de música, de entrevista, de esporte, de moda, realities, jornalismo, animação, eventos, etc. Temos várias histórias e cases interessantes e engraçados e é claro que vamos compartilhar essa experiência com os alunos ao longo do processo, em tópicos específicos mas também em associação aos projetos propostos pelos grupos.

Conte um pouco sobre as novidades do mercado na área.
R.P.: O mercado de produção audiovisual está em plena transição. Desde o modelo de negócio até os hábitos de consumo. A novidade é que nunca se consumiu nem produziu tanto. A escalada de criatividade e da qualidade nas séries de ficção acompanha as novas maneiras de consumir esse conteúdo, em qualquer hora, qualquer aparelho e geralmente, de maneira compulsiva! O sucesso dos programas de realidade na TV, não só os ” à la BB”, escancara o desejo de ver e se identificar com a história dos outros que, de resto, é comportamento típico da internet. Enfim, para os produtores de conteúdo, para os contadores de história que esse curso quer ajudar a formar, o mercado vai bem, obrigado!

Para saber mais sobre o curso clique aqui.

 *Foto: Iuri Pinheiro e arquivo pessoal