Vanessa Bruno

Vanessa Bruno é atriz e diretora. Bacharel em Cinema pela FAAP. Mestre em Artes Cênicas na linha Formação do Artista Teatral junto ao Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (PPGAC/ECA/USP). Desde 2004 está envolvida no Centro de Pesquisa Teatral (CPT) coordenado por Antunes Filho. Sob direção de Antunes, atuou em (2008) “Prét-à-Porter 9” (Projeto ganhador do Prêmio Shell - categoria especial) e (2006) “Pedra do Reino” (melhor espetáculo nos prêmios Bravo!Prime, APCA e Contigo!), participou das reuniões teóricas e filosóficas, e nas edições de 2010, 2011, 2015, 2016, 2017, 2018 e 2019 ministrou aulas de retórica para atores no curso Introdução ao Método do Ator CPTzinho).

Estudou teatro com uma dezena de artistas e também cursou Interpretação pelo Método Stanislavski na Russian Academy of Theatre GITIS em Moscou. Atua e faz preparação de elenco para vários curtas, e no último ano atuou na série HARD, para HBO direção Rodrigo Meirelles, nos curtas "Próxima" e "Making Off"ambos com direção de Luiza Campos e, no longa-metragem "Se Eu For O Que Fica?" direção Pedro Paulo de Andrade em fase de finalização. É também co-criadora da websérie "Conversa ao Lado" no qual o coletivo de realizadores se reveza na função de roteiro, atuação e direção. Desenvolve diálogo constante entre o cinema e o teatro e, há dez anos, se dedica a dirigir espetáculos que deslocam a literatura de grandes autoras para a cena. Dirigiu em teatro adulto “O Ovo e A Galinha” de Clarice Lispector (2010) e o infanto-juvenil “Brincar de Pensar - contos de Clarice Lispector no palco para pessoas grandes ou pequenas” (2014), que esteve presente na lista dos melhores espetáculos para infância e juventude de 2014 pela crítica especializada.

A partir dos espetáculos com literatura de Lispector desenvolveu no Centro de Pesquisa em Experimentação Cênica do Ator, (CEPECA, ECA/USP) pesquisa prática e acadêmica descrevendo procedimentos para o intérprete trabalhar com literatura no palco, dissertação concluída em 2015 na ECA-USP indicada à publicação. A partir desta investigação, realizou vários workshops, entre eles, na Universidade da Costa Ricca e palestras na Universidade Autônoma da Cidade do México (UNAM). É atriz, diretora e propositora do VULCÃO [criação e pesquisa cênica], com o qual dirigiu os solos “Pulso” (2016), relacionando vida e obra da poeta Sylvia Plath, "A Dor" (2016), a partir La Douleur de Marguerite Duras e, de seu próprio solo "Águas do Mundo" (2019) a partir da obra de Clarice Lispector, trilogia que esteve reunida no Teatro de Contêiner em julho de 2019 em São Paulo. Com o coletivo de mulheres ELAS das 5 às 7 concebeu e dirigiu "As Cartas de Agnès" cine-ensaio a partir da obra da cineasta Agnès Varda que estreou no Festival Latino Americano de Artes - CASA neste ano em Londres. Se interessa sobremaneira pela relação literatura, video e cena, e vê como motor catalizador - principal e determinante - o trabalho do intérprete.

Notícias relacionadas

Live sobre Criação e Interpretação de cenas

Live sobre Criação e Interpretação de cenas

Na próxima sexta, 3 de julho, a professora, diretora, atriz e roteirista Vanessa Prieto vai bater um papo com os professores do curso de Interpretação e Carreira Online: a atriz Michelle Boesche, o ator, diretor, diretor de arte visagista, figurinista e roteirista de cinema e TV Antonio Vanfill e o ator, diretor, voice artist, produtor […]

Alunos da AIC atuam em série Colônia

Alunos da AIC atuam em série Colônia

A realidade do tratamento de doentes mentais no Brasil sempre foi problemática, mas alguns períodos históricos não podem ser esquecidos por conta de imperdoáveis atrocidades cometidas contra os direitos humanos. Baseada em uma dolorosa história real, a série Colônia, dirigida por André Ristum,  busca justamente retratar um desses períodos, no qual milhares de pacientes foram […]

Tum Tum no Festival Internacional de Curtas                                        de São Paulo

Tum Tum no Festival Internacional de Curtas de São Paulo

Sentir a música pela vibração, pelo toque. Já tentou? O filme “Tum Tum – Som de Batuque”, selecionado para a Panorama Paulista e Mostra Infanto-Juvenil do 25º Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo, conta a história de André Luiz, um menino surdo de Salvador, que descobriu a música através de um projeto social e […]



Deixe seu e-mail e receba

Convite para eventos gratuitos, entrevistas e dicas, promoções e descontos


Pentagrama Consultoria e Sistemas