Rodrigo Noronha

Formado em engenharia de áudio pela Full Sail University (USA), logo após a sua formatura, em 1995, participou da montagem e implementação dos Estúdios Mega (RJ) atuando no mercado fonografico até 1997, a partir daí passou a atuar em pós-produção de áudio estreando na mixagem de longa metragens com "For All, Um Trampolim Para A Vitoria" de Luiz Carlos Lacerda. Tendo trabalhado com os principais  diretores do país em mais de 70 longa metragens, foi indicado 7 vezes e foi vencedor 2 vezes (com "Cazuza" e "O Homem do Futuro") do prêmio ABC de melhor som para longa metragem. A maior parte da sua filmografia pode ser encontrada no site imdb.com.

Notícias relacionadas

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Academia Internacional de Cinema

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Academia Internacional de Cinema

O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro aconteceu na noite de 04 de outubro, numa cerimônia realizada no Theatro Municipal, e a Academia Internacional de Cinema (AIC) festejou com a premiação de Melhor Som para Rodrigo Noronha, professor da AIC, juntamente com Bruno Fernandes, responsáveis pelo som de “Chico – Artista Brasileiro”. E por uma feliz […]

Taxista Chato, Piadas Ruins e Oito Festivais

Taxista Chato, Piadas Ruins e Oito Festivais

Quem nunca pegou um táxi com um motorista chato que contasse piadas ruins? O curta “As Piadas Infames do Aníbal”, do aluno Carlos Eduardo de Carvalho Machado, que cursa o FILMWORKS – o curso de direção cinematográfica da Academia Internacional de Cinema (AIC) – conta a história de Aníbal, um taxista que trabalha no aeroporto […]