Aarón Fernández

Aarón Fernández concluiu seu Mestrado em Estudos Cinematográficos em Paris, França. Atualmente vive em São Paulo e desenvolve a sua carreira tanto no México quanto no Brasil. Ele trabalhou como roteirista, diretor e produtor em projetos para cinema e televisão. Seu primeiro longa-metragem, Partes Usadas (2007), participou de mais de 40 festivais e ganhou diversos prêmios. Las Horas Muertas (2013), seu segundo filme, estreou no Festival de San Sebastián. Conquistou o prêmio de Melhor Contribuição Artística do Festival de Tóquio e os prêmios de Melhor Atriz e Menção Especial do Jurado no Festival de Morelia. Fernández dirigiu os 5 primeiros capítulos da série de televisão Alguien Más, estrelada por Flor Edwarda Gurrota, Ana Seradilla e Fernando Álvarez. Seu documentário Un filósofo en la Arena estreou em 2018 em diversos festivais, como os de Guadalajara, Montreal e BAFICI.


Ele escreveu seis roteiros de longas-metragens, além de cinco curtas. Foi roteirista e membro do júri em oficinas de desenvolvimento e concursos em diversos países da América Latina: Secretaria de Cultura de São Paulo, Fundación Toscano/Sundance Lab (México-EUA), Instituto Mexicano de Cinematografía y Centro Nacional de Cinematografía (Ecuador). Ele oferece regularmente workshops de roteiro em diversas organizações, tanto no México quanto no Brasil.

Notícias relacionadas

Cinema Latino-Americano

Cinema Latino-Americano

O que é? O cinema latino-americano, do qual fazemos parte, abrange os filmes produzidos nas regiões das Américas do Sul e Central cujos idiomas oficiais têm raízes latinas, como o espanhol e o português. Durante muitas décadas, após a popularização do cinema sonoro, quase 90% da produção total de filmes latino-americanos se concentrou somente em […]

“Super Nada” estreia nos cinemas

“Super Nada” estreia nos cinemas

O longa “Super Nada”, coproduzido pelo professor Aarón Fernandez e dirigido pelo ex-professor Rubens Rewald, acaba de estrear nos cinemas de São Paulo, Rio de Janeiro e outras capitais do Brasil. O filme, elogiado pela crítica e sucesso de público já na estreia, foi noticia na grande imprensa. Na Folha de S.Paulo, o crítico Cássio […]