Rodrigo Fonseca

Rodrigo Fonseca

Crítico de cinema titular do blog P de Pop do jornal O Estado de S. Paulo e colunista do site OMELETE, Rodrigo Fonseca é roteirista da TV GLOBO, em projetos de ficção, e lá participa como mediador em eventos de desenvolvimento artístico, como mediador. Lá, foi redator do programa “Encontro com Fátima Bernardes” e analista de dramaturgia na emissora. Escreve ainda para o site “Almanaque Virtual – UOL”, no Brasil, e para a revista portuguesa “Metrópolis”, onde é o correspondente para assuntos latino-americanos desde 2013. Cobriu festivais internacionais como os de Cannes, Berlim e Doha, no Qatar. Foi o curador do Cine PE – Festival de Cinema de Pernambuco em 2015 e 16. É o redator do programa Cone Sul do Canal Brasil. É Professor de História do Cinema Brasileiro na Escola Darcy Ribeiro desde 2013 e leciona ainda no Filmworks da Academia Internacional do Cinema (AIC), na filial RJ. Foi jurado do Festival My French Film Festival da Unifrance em 2012. É autor dos livros de ensaio/ reportagem “Meu compadre cinema – Sonhos, saudades e sucessos de Nelson Pereira dos Santos” (2005) e “Cinco mais cinco – Os melhores filmes em bilheteria e crítica” (2007), com Carlos Diegues e Luiz Carlos Merten. Publicou ainda o romance “Como era triste a chinesa de Godard” (2011). Tem artigos assinados nos livros “Brazil Now – A celebration of contemporary brazilian culture” (2014) e “Apichatpong Weerasethakul” (2014). Como dramaturgo, teve dois textos encenados: esquetes de “Anticomtemporâneo” (2008) e “Encontros impossíveis” (2013), este último encenado em Nova York em 2016. Trabalhou como ator nos filmes “Angústia”, “Flerte”, “Paixão & Virtude”, “Deuses e titãs”, “Zan” e “Paredes brancas”.  Ministra palestras e media debates no Cine Joia – RJ.

*Professor do FILMWORKS – RJ