Edson Secco

Edson Secco

Artista Sonoro com formação em música, tecnologia e cinema, atua como músico, compositor e sound designer. Vencedor de 3 prêmios de melhor desenho de som (Brasília, 2010 e 2013, Gramado, 2013), assina as composições de “Vaticano”, de Walter Salles, “Depois da Chuva”, de Cláudio Marques, “Transeunte” de Eryk Rocha, “Exilados do Vulcão” e “Diário de Sintra” de Paula Gaitán e “Terras” de Maya Da-Rin. Como músico e performer participou de diversos projetos e festivais, entre eles o Share Festival-2012 em New York. Também compôs trilhas originais para os espetáculos do dramaturgo Gerald Thomas, para a montagem teatral de “O Ovo e a Galinha”, de Clarice Lispector e para o espetáculo de dança “Nijinski Casamento com Deus”. Produziu diversas instalações sonoras, entre elas as exposições de Rogério Sganzerla (Ocupação Sganzerla), Miguel Chikaoka (H2Olhos) e Paula Gaitán (Imagem da Imagem). Integrou o Remote Project, projeto espanhol envolvendo artistas de diversas áreas vindos do Brasil, Espanha e Noruéga.