Fome, de Cristiano Burlan, na Mostra Internacional de Cinema

Jean-Claude Bernardet que recebeu o prêmio Especial do Júri por sua atuação no 48º Festival de Brasília

Jean-Claude Bernardet que recebeu o prêmio Especial do Júri por sua atuação no 48º Festival de Brasília

O longa-metragem “Fome”, do diretor e professor da Academia Internacional de Cinema (AIC) Cristiano Burlan, está na Mostra Brasil da 39ª Mostra Internacional de Cinema de SP. A primeira exibição do filme será no próximo dia 23, às 21h30, no Cine Caixa Belas Artes.

O filme conta a história de um velho homem que abandona o passado (interpretado por Jean-Claude Bernardet) e caminha pela metrópole paulistana. Ele carrega consigo apenas um carrinho e alguns trapos. Dirigido por Burlan e roteirizado por ele e pelo também professor Henrique Zanoni , o filme foi rodado em 6 dias e encerra a “Tetralogia em preto e branco” do diretor, que se iniciou com “Sinfonia de um homem só” (2012), “Amador” (2013) e “Hamlet” (2014). Os quatro filmes têm a cidade de São Paulo como força motriz, os personagens deambulam por uma metrópole exposta em sua concretude e em perpétuo processo de construção e desconstrução.

Perguntado sobre o que é o “Fome”, o diretor diz “Morar na rua é um ato de resistência. O deambular é, para mim, não uma busca por chegar em algum lugar, mas a garantia do movimento. Eu já passei fome quando morei ilegalmente na Europa. A única coisa que passava na minha cabeça era a possibilidade do suicídio e a necessidade de andar. Mas o filme não é sobre mim. Acredito que o filme fala sobre duas coisas, o amor e a ausência dele”.

Jean-Claude, que recebeu o prêmio Especial do Júri por sua atuação no 48º Festival de Brasília diz, em entrevista para Burlan, que atuar foi uma experiência muito densa e muito positiva. “Quero estar associado a este tipo de cinema, que é um cinema de risco, um cinema que você não sabe muito bem no que vai dar e eu tenho um certo prazer angustiante, porém prazer em ir até os limites, de tentar ultrapassar os limites. Eu acho que no ‘Fome’ foi bastante isso”.

Ainda participaram do filme os alunos e ex-alunos Bil Silvestre (desenho de som e mixagem), Lucas Negrão (colorista), Helder Martins (diretor de fotografia), Ronaldo Dimer (2º assistente de fotografia), Arthur Tuoto (montagem adicional), Charlene Rover (fotografia still), João Macul (assistência de fotografia), Cris Hernandez (assistência de produção)e Aline Medeiros (produção de set), além dos professores Henrique Zanoni (roteiro e produção) e Ana Carolina Marinho (elenco).

Assista ao Trailer

Confira a programação

  • Dia 23/10 às 21:30 – CINE CAIXA BELAS ARTES – SALA SPCINE