Diretor Kevin Macdonald em aula aberta na Academia Internacional de Cinema do Rio de Janeiro

Dia 09 de junho o diretor escocês Kevin Macdonald, premiado por sucessos como “O último rei da Escócia” e os documentários “Being Mick” e “Marley”, estará na Academia Internacional de Cinema (AIC) do Rio de Janeiro para aula aberta e gratuita (mediante pré-inscrição) sobre questões fundamentais na direção de documentário e ficção.

Inscrições encerradas. Compareça ao evento com 15 min de antecedência, havendo desistências os inscritos na lista de interesse abaixo poderão participar do evento.

Desculpe! Este formulário não aceita mais envio de dados.

Na palestra, com duração de 3 horas, o diretor também revisita a sua obra, mostrando trechos de filmes como ”O último rei da Escócia”, “Munique, 1972: Um Dia em Setembro”, “Marley”, e “Being Mick”, inédito no país, sobre a vida do astro do rock Mick Jagger. Kevin, que dirigiu nomes como Forest Whitaker, Russell Crowe e Jude Law, também vai explorar temas como a direção de atores e o roteiro no documentário e na ficção.

Antes de vir ao Rio, o diretor passa por São Paulo, para uma mostra de cinema em sua homenagem, corealizada entre 21º Cultura Inglesa Festival e a produtora BigBonsai.

“Kevin é um dos grandes diretores da atualidade que transita extremamente bem entre o documentário e a ficção, sendo premiado com Oscars nos dois formatos”, comenta Deborah Osborn, sócia da produtora BigBonsai,  responsável pela vinda de Kevin ao Brasil, e curadora da mostra em homenagem ao diretor.

A aula será ministrada em inglês mas haverá um tradutor para esclarecer dúvidas pontuais dos participantes.

Mais sobre Kevin Macdonald

Diretor escocês de 49 anos e vencedor de dois Oscars, é um dos mais reverenciados diretores de sua geração. Premiado nos mais consagrados festivais de cinema do globo, trabalha com documentários revigorantes e ficções inspiradoras. Em 2006, “O Último Rei da Escócia” levou o prêmio da Academia de Melhor Ator para Forest Whitaker, além de 3 BAFTAs de Melhor Filme Britânico, Melhor Ator e Melhor Roteiro Adaptado. “Tocando o Vazio” ganhou o prêmio de Melhor Filme no The Evening Standard British Film Awards e no BAFTA, sendo que, neste último, foi o primeiro documentário a vencer uma ficção na história da premiação. Já “Munique, 1972: Um Dia em Setembro”, que explora um dos maiores atentados terroristas da história do esporte, ganhou o Oscar de Melhor Documentário em 2000 e o Emmy na mesma categoria. Na sequência, Kevin foi considerado o Melhor Diretor pelo festival indie de cinema British Independent Film Awards. O diretor recebeu excelentes críticas pelo documentário “Marley”, biografia do lendário cantor jamaicano Bob Marley. Recentemente dirigiu o documentário “Sky Ladder: The Art of Cai Guo-Qiang” para o Netflix, sobre o artista contemporâneo chinês Cai Guo-Qiang. Atualmente prepara um documentário sobre a cantora Whitney Houston.

*Imagem divulgação

PALESTRA GRATUITA

09/06 (sexta-feira), às 19h
Academia Internacional de Cinema do Rio de Janeiro
R. Martins Ferreira, 77, Botafogo
Tel.: (21) 2537-8183
Capacidade do local: 80 pessoas (evento sujeito à lotação do espaço)