Cristiano Burlan dirige peça inédita de Foucault

Vida dos Homens InfamesNem só de cinema vive o homem. O cineasta e professor da Academia Internacional de Cinema (AIC) Cristiano Burlan, diretor do documentário “Mataram Meu Irmão” – vencedor de diversos prêmios, entre eles o Festival É Tudo Verdade, volta à direção teatral após 14 anos afastado. A peça “A Vida dos Homens Infames”, da Cia dos Infames, criada a partir de dois livros do filósofo francês Michel Foucault, entra em cartaz em São Paulo no dia 04 de julho, no Teatro Pequeno Ato e depois segue para Belo Horizonte.

A peça é inspirada nos textos “Eu, Pierre Rivière, que Degolei Minha Mãe, minha Irmã e Meu Irmão” e “Herculine Barbin, Diário de uma Hermafrodita”, o espetáculo faz parte do projeto FOUCAULT 30 ANOS: Um Infame Encontra o Teatro, que homenageia o filósofo francês no ano em que se completam 30 anos de sua morte.

Em matéria para a Folha de S.Paulo, Burlan diz que “Foucault aplica o termo ‘infame’ muito bem: são pessoas que lutam contra o poder, mas não querem assumir seu lugar. Ele também era um infame…”, diz Burlan.

A peça foi escrita pelo também professor da AIC, Henrique Zanoni, em parceria com Marcela Vieira, e pela primeira vez, as obras são adaptadas e recebem montagem para o teatro. Além de escrever, Henrique também atua ao lado da atriz Adriana Guerra. O professor Rafael Nobre também participou fazendo o vídeo da peça.

A Vida dos Homens Infames from Bela Filmes on Vimeo.

 DEBATES

Além da peça, fará parte das homenagens ao filósofo, um ciclo de debates, também no Pequeno Ato, com importantes estudiosos

A Vida dos Homens Infames

Henrique Zanoni interpretando o jovem camponês Pierre Rivière e Adriana Guerra que vive a hermafrodita Herculine Barbin.

como: Samir Yazbek, Roberto Alvim, o filósofo Luiz Fuganti, Salma Tannus, o crítico Ruy Filho, entre outros. A Cia ainda também pretende publicar o resultado dos ciclos em um livro chamado “Foucault e o Teatro”, que mostrará a relação de Foucault com as artes.

Confira a programação completa dos debates, que acontece aos sábados, das 17h às 19h, no Teatro Pequeno Ato:

  • 19 de julho | Foucault, Filosofia e Teatro - Convidados: Daniel Pereira e Ruy Filho.
  • 26 de julho | Dramaturgia e Escrita Infame - Convidados: Fábio Zanoni e Samir Yazbek.
  • 02 de agosto | A Experiência do Teatro - Convidados: Pedro França e Maria Eugênia de Menezes.
  • 09 de agosto | Subjetividade e Técnicas Psi no Teatro - Convidados: Luiz Fuganti e Roberto Alvim.
  • 16 de agosto | O que é um ator? - Convidados: Salma Tannus e Cia dos Infames.

SERVIÇO

Vida dos Homens Infames
Datas e horários: de 04 de julho a 17 de agosto – sextas e sábados, às 21h30 e domingo, às 19h30.
Duração: 70 minutos.
Local: Teatro Pequeno Ato – Rua Doutor Teodoro Baima, 78 – República – Centro – São Paulo.
Ingressos: R$ 40 inteira e R$ 20 meia-entrada.
Lotação: 50 lugares

Ficha Técnica:

*Fotos Charlene Rover e Felix Nadar